A vida é curta mas suficientemente longa

Apesar da vida ser curta, é suficientemente longa para aproveitarmos de tudo um bocado. No entanto, isso não invalida de vivermos cada dia como se fosse o último.

Os momentos felizes da vida fazem-me pensar nela. Mostram-me como cada momento é único e importante. Mostram-me que é finita e que para além de termos de fazer as nossas responsabilidades naturalmente, podemos e devemos tirar tempo para nós.

Por muito curta que seja a vida, é longa o suficiente para momentos desses existirem. Aproveita-a.